Eu não preciso sofrer pra saber o que é melhor pra mim

O que eu disse a você na ultima ligação? – Tome o tempo necessário para que você possa se organizar, não pense em nós como um problema difícil de resolver. Organize tuas coisas e volte a me procurar. E o que você fez? Jogou-se nos primeiros braços que apareceram. Tenho olhos nas costas, uma hora eu acabaria descobrindo. Não que isso seja importante ou que eu vá parar de viver por esse motivo, se pensa isso, está totalmente enganado.

Infelizmente ou felizmente as coisas acontecem como tem que acontecer, e obviamente foi do jeito pior. Porque dói, machuca de uma forma que você nunca saberá. Pois desconheço pessoa mais insensível, que pouco se importa com o sentimento alheio. Meu erro foi esse, me importar demais, fazer demais. Tudo que é demais sobra não é mesmo? Vou lembrar disso no próximo relacionamento.

Mas vou parar de lamentar

Talvez a cruz não fosse minha, não era obrigada a te carregar nas costas e acabar esquecendo quem de fato eu sou. Como em todo relacionamento precisamos nos doar pra que as coisas funcionem, mas eu tenho a mania de me anular e viver a vida do outro. E agora, o que eu tenho pra te desejar?

Quero do fundo do meu coração que tu seja feliz, como nunca foi comigo, quero que tu encontre a paz no abraço dela, que sinta-se seguro para enfrentar teus problemas, quero que ela goste de você tanto quanto eu, que ela seja teu porto seguro como você era pra mim, quero que sejam felizes juntos. Porque cada um oferece o que tem, eu te ofereço amor, muito amor.

Hoje eu não quero mais que tu volte, eu quero que tu siga em frente. Porque precisamos amar pra frente, nada que volta traz a felicidade necessária. Não estou te dando a benção, sei que não precisa disso. Estou escrevendo, para que eu me sinta livre e consiga seguir em frente sem você.

Deixe seu comentário

Deixe seu comentário